Lingua   

Pátria

Adriano Correia de Oliveira
Lingua: Portoghese


Ti può interessare anche...

Abril '74
(Lluís Llach)
E de súbito um sino
(Adriano Correia de Oliveira)
Post-scriptum
(Adriano Correia de Oliveira)


‎[1967]‎
Versi di António Ferreira Guedes, poeta portoghese.‎
Musica di António Portugal e Adriano Correia de Oliveira
Dall’album d’esordio intitolato semplicemente “Adriano Correia de Oliveira”‎

Adriano Correia de Oliveira

E che mi dite di questa? Semplicemente “devastante”!‎
‎(Ora però basta con Correia de Oliveira e con i portoghesi, ché mi struggo troppo…)‎

A minha boca é um cravo
na tua boca desfeito
A minha boca é um cravo
na tua boca desfeito
outro cravo é o coração
desfolhado no teu peito
desfolhado no teu peito

O coração só desfolha
se lhe apodrece a raiz
O coração só desfolha
se lhe apodrece a raiz
triste destino o destino
da gente do meu país ‎
da gente do meu país

A minha boca é um cravo
na tua boca desfeito
A minha boca é um cravo
na tua boca desfeito
nascem cravos murcham cravos
desfolhados no teu peito
desfolhado no teu peito

inviata da Dead End - 13/12/2012 - 08:40



Pagina principale CCG

Segnalate eventuali errori nei testi o nei commenti a antiwarsongs@gmail.com




hosted by inventati.org