Lingua   

Roseira brava

Adriano Correia de Oliveira
Lingua: Portoghese


Ti può interessare anche...

Cantiga de amigo
(Adriano Correia de Oliveira)
Emigração
(Adriano Correia de Oliveira)
Canção com lágrimas
(Adriano Correia de Oliveira)


‎[1971]‎
Versi di António Ferreira Guedes, poeta portoghese.‎
Musica di José Niza (1938-2011), medico, compositore e deputato portoghese.‎
Canzone che apre il disco intitolato “Gente de aqui e de agora”‎

479709
479709



La rosa selvatica (Rosa canina L.), una pianta tenace, antenata di tutte le Rose, che qui diventa ‎allusione al popolo portoghese sotto la dittatura salazarista, un popolo capace di dare amore a chi ‎non lo meritava e che in cambio riceveva solo l’odio che ne minava le radici…‎
Roseira brava, roseira
Barco sem leme nem remos
Roseira brava é a vida
Que amargamente vivemos.‎

Roseira brava não tem
Rosas abertas nos ramos
Roseira brava é espinho
Que em nosso peito cravamos.‎

Roseira brava, roseira
Rosa em botão desfolhada
Roseira brava é teu rosto
Rompendo da madrugada.‎

Roseira brava no vento
Vai espalhando a semente
Roseira brava é lembrar
Quem se não lembra da gente.‎

Roseira brava, roseira
Que o sol de Verão não aquece
Roseira brava é o amor
A quem amor não merece.‎

Roseira brava é o ódio
Que vai minando a raiz
Roseira brava, roseira
Roseira do meu país.‎

Roseira brava é o ódio
Roseira do meu país.‎

inviata da Dead End - 12/12/2012 - 15:51



Pagina principale CCG

Segnalate eventuali errori nei testi o nei commenti a antiwarsongs@gmail.com




hosted by inventati.org